Ballet OnLine ® - 2017 - Todos os direitos reservados

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Receba aulas gratuitas se cadastrando no botão "Lista Vip Gratuita"

Bailarina Profissional: qual idade?

 

Uma dúvida muito frequente é sobre com qual idade se deve começar o Ballet para se tornar um bailarino(a) profissional, e pensando nisso, precisamos analisar primeiramente, que tipo de profissionalização é essa, por exemplo, se você quer se tornar um bailarino(a) profissional que dance Ballet em grandes companhias, e depois disso é que pensaremos sobre qual é a idade limite para ingressar nessas cias. 

 

Se você analisar quantas companhias existem no mundo e quantos bailarinos têm nela, perceberá que pouquíssimas pessoas que começaram o Ballet entre 18 e 30 anos, estão inseridas em uma delas. Isso acontece porque a profissionalização no Ballet por si só exige de maneira absurda, tanto do corpo, ou seja, precisa ter determinado biotipo, coxas finas, um porte mais europeu, sem bunda, super magérrimo(a), pernas negativadas, girar muitas pirouettes, ter um domínio técnico absurdo, ter uma boa integração com a equipe, etc. Sendo assim, ser um bailarino(a) profissional em uma companhia de Ballet não é para qualquer um, pois é muito difícil.

 

A grande questão nesse assunto é "serei infeliz, caso não for um bailarino(a) em uma companhia de Ballet clássico?". A sua resposta pode ser "sim, realmente quero entrar em uma grande cia aos 18 anos de idade", por exemplo, e se essa for a sua situação, você terá que ter começado a fazer Ballet aos três anos, sua vida voltada totalmente para isso e também precisa ter nascido com o físico adequado, porque para entrar nessas companhias não é possível desenvolver o físico para chegar lá, realmente precisa ter nascido com ele, além de ser uma pessoa muito focada. Agora, caso sua resposta for "eu não nasci com o físico virado para a lua, mas eu amo e quero dançar Ballet", você irá desenvolver sua vida e seu trabalho para entrar em outras companhias, afinal, existem as de contemporâneo, de jazz, de moderno, enfim, várias, e a grande maioria delas trabalham com o Ballet como exercício de base, pois é a modalidade em que o corpo acaba definindo os movimentos, por conta da precisão maior deles, e isso é muito bem visto pelos bailarinos, independente da modalidade em que a companhia desenvolve as coreografias. Então, isso significa que se você não entrar em uma cia de Ballet clássico que na verdade é a modalidade que você gosta, você não irá deixar de fazer as aulas, pois ele é a base, a diferença é que irá aprender a transmitir a sua dança através de outros movimentos, que são o contemporâneo, jazz, etc. Até existem companhias de contemporâneo que dançam Ballet. 

 

Considerando tudo isso, caso o seu sonho seja ser um bailarino(a) de companhia clássica, você precisa entender quem são eles, para você analisar se o seu perfil é adequado para isso, e aí sim trabalhar muito, fazendo aulas, alongamentos, investindo no seu desenvolvimento físico artístico para conseguir entrar em uma delas. Porém, se o seu perfil não favorece para você entrar em uma companhia clássica, mas você gostaria de ser um profissional da área, considere que um bailarino que trabalha com dança contemporânea, ou jazz, hip hop, por exemplo, também é um bailarino profissional, desde que a vida financeira dele venha da arte. 

 

 

Então, para entrar em uma companhia, desenhe os bailarinos que estão nela, analise qual é o biotipo. Pense sobre onde você quer chegar, pois a partir do momento que você diz que quer se tornar um bailarino profissional, existem muitas vertentes, portanto, seja específico para poder saber no que você precisa melhorar para alcançar seu objetivo, e é nesse momento que entra a questão da idade.

 

Se você quiser entrar em uma companhia clássica, sim, você terá que começar o Ballet aos três anos de idade, pois as que começam aos 10 nasceram com o físico virado para a lua. Se você começou aos 16, por exemplo, já não é possível, pois as companhias contratam a partir dos 18 até os 25 anos, a partir de 30 nem as companhias de contemporâneo contratam. Infelizmente, a vida útil do bailarino é muito curta, isso significa que aos 18 anos você já tem que estar perfeito. Porém, se você começou aos 16, até os 30 você consegue entrar em outras companhias, que não sejam clássicas e se já passou dessa idade, você pode sobreviver da dança dando aulas, entrar em companhias menores. 

 

Portanto, a questão idade depende muito da companhia que você quer entrar, algumas exigirão que você tenha começado aos três anos de idade, como as de clássico, já outras não, pois desenvolvem um trabalho mais tranquilo. 

 

Levando em conta tudo isso, mais do que ficaremos alimentando sonhos que são de, certa maneira, impossíveis, porque dependem de fatores externos, é entendermos qual é o nosso real desejo e como é que podemos realizá-lo. Entenda que se você quer dançar Ballet para o resto da vida, você pode, mesmo que tenha começado aos 50 anos de idade. Você pode não entrar em uma companhia, mas pode desenvolver o seu próprio projeto e dançar em órgãos que recebem de braços abertos grupos de dança, etc. Enfim, é uma maneira de vermos as coisas sem tanto pedestal e ao mesmo tempo, sem tanta descrença. Então, acredite nos seus sonhos e faça eles se tornarem viáveis, mesmo que eles não sejam, descubra as outras formas deles se realizarem, mesmo não sendo exatamente da maneira que você pensou.

 

Baixe agora mesmo o Ebook gratuito "As sete Etapas da Bailarina Adulta" clicando na imagem.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Destacados

Quando usar braços na aula de Ballet Adulto?

15.03.2019

1/7
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procure por Tags