Ballet OnLine ® - 2017 - Todos os direitos reservados

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Receba aulas gratuitas se cadastrando no botão "Lista Vip Gratuita"

Ballet Adulto: Ocupe seu espaço

 

É comum encontrarmos bailarinas no Ballet adulto que não se entregam para fazer os passos, fazem certo, mas não com toda a intenção que deveria. Para melhorar isso, o bambolê pode ajudar, pois no Baby ele é colocado para a criança dançar dentro dele e no Ballet adulto isso também pode ser feito. Você, professor, pode colocar o bambolê e mostrar como é possível dançar de verdade dentro dele e depois de tirar, vem a lição.

 

O problema está no fato de as bailarinas não usarem o espaço dentro do bambolê, o espaço que é delas, onde deve ser colocado tudo o que elas podem, toda a entrega, assim como acontece muito com bailarinas adultas. Então, o uso do bambolê nesses momentos pode ajudar para elas entenderem.

 

Muitas bailarinas adultas não ocupam seu espaço no bambolê, pois não se acham capazes e merecedoras daquele espaço, e acaba entrando no discurso de "um dia vou ser bailarina", "sou aprendiz de bailarina", "faço Ballet, mas não sou bailarina". Isso não tem cabimento, pois você não vai chegar em alguém que faz Ballet dizendo que ela não é bailarina só porque não dança na ponta, porque não ganha para isso, enfim, então por que você fala isso para si mesma? Por que vocês não pode ocupar o espaço que está conquistando?

 

Como adultas, precisamos tomar muito cuidado com o que falamos para nós mesmas, pois se você não começar a se considerar bailarina, as outras pessoas não irão, pois tem que começar de você. Se você não começar a ocupar seu espaço dentro do bambolê, as outras pessoas não vão esperar que você ocupe, elas tirarão o bambolê de você.

 

 

É muito difícil montar uma coreografia de Ballet adulto, pois se o professor coloca uma menina na frente e ela não ocupa o espaço dela, não dá para mantê-la ali naquela colocação. Portanto, essa função de espaço no bambolê é muito importante, mas primeiro ela começa dentro de nós mesmos, dizendo que somos bailarinas, a partir do momento que nos arrumamos e agimos da maneira que um bailarina agiria.

 

Nesse caso, é até bom se perguntar sobre o que é um bailarino, porque qualquer pessoa que faz dança, seja hip hop, jazz, enfim, é um bailarino, mas cada pessoa pode definir de uma maneira. Então primeiramente precisamos definir o que é um bailarino, desconsiderando a questão de bailarinos profissionais, pois isso é outra história, aqui falamos de bailarinos de corpo e alma, que amam o Ballet ao ponto de começar a fazer depois dos 20, 30, 40, 50 anos.

 

Se você já começou o Ballet nessa situação que foi citada, não pode em hipótese alguma dizer que não é bailarina ou não ocupar o espaço em que está conquistando. Faça os passos com toda a intenção, ocupe o seu espaço dentro do bambolê, começando pela valorização de cada pedacinho conquistado a cada dia. Quanto mais você ocupar o seu espaço dentro do bambolê, mais ele crescerá e mais espaço você terá para a sua dança de verdade.

 

Baixe agora mesmo o Ebook gratuito "As sete Etapas da Bailarina Adulta" clicando na imagem.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Destacados

Quando usar braços na aula de Ballet Adulto?

15.03.2019

1/7
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procure por Tags