Ballet OnLine ® - 2017 - Todos os direitos reservados

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Receba aulas gratuitas se cadastrando no botão "Lista Vip Gratuita"

Espacate - Verdades e Mentiras

 

O tão cobiçado passo chamado espacate envolve algumas verdades e mentiras, e neste artigo algumas delas serão comentadas. 

 

A primeira afirmação recebida foi "espacate não é um passo de Ballet", e isso é verdade! O espacate é um passo muito difundido no meio da ginástica artística, etc. Contudo, nós utilizamos essa abertura no ar, como por exemplo no socheval, mas quando o Ballet foi criado, imagina o que seria uma dama indo ao chão fazendo espacate na frente do rei? Não cairia bem com aquelas roupas toda, enfim. Então realmente, espacate não é um passo do Ballet Clássico, e até mesmo os grande saltos deveriam ser difíceis naquela época, provavelmente eles eram bem baixinhos e nós que fomos dificultando as coisas. O Ballet era muito diferente naquela época. 

 

"Depois dos 30 anos não é possível zerar o espacate", mentira!!! As pessoas têm uma incrível tendência a acreditar que conforme vamos ficando mais velhos, ficamos incapacitados de realizar determinadas atividades, o que é mentira, pois apenas fica mais difícil, inclusive o espacate. Não é comum encontrarmos pessoas com mais de 30 anos tentando zerar o espacate, porque é necessário um trabalho muito intenso, mas é possível sim. 

 

  

"Têm pessoas que não irão zerar o espacate nunca", verdade ou mentira? E isso é verdade. Têm algumas pessoas que fazem cirurgia no quadril, reconstrução da fossa da cetábula ou pode colocar pino, enfim, cirurgias que fazem com que o quadril perca um pouco da mobilidade e acabam ficando impossibilitadas de zerar o espacate. Fora isso, todo mundo pode sim zerar e só não vai conseguir quem não faz alongamento, quem desiste rápido, etc. Então, se na sua cabeça você tem o desejo de zerar o espacate, trabalhe para isso, faça os alongamentos corretos, mas tire esses mitos da cabeça, de que você precisa ter determinada idade para conseguir, pare de colocar a culpa no seu quadril, por exemplo, dizendo que você não tem mobilidade sem nem ter passado por uma cirurgia, pois não faz sentido, o problema realmente está no treinamento.

 

"É impossível fazer um grand jeté lindo e maravilho sem zerar o espacate", e isso é verdade. Acontece que quando não temos o espacate zerado, acabamos fazendo um salto em que as pernas não abrem tanto, sendo que o o objetivo do grand jeté é ver as pernas bem abertas no ar. Apesar disso, o passo em si pode estar correto, independente da amplitude que a pessoa chega durante o salto, mas para ser um salto maravilhoso, é necessário o espacate zerado, pois não é porque o movimento é dinâmico que você vai conseguir o alongamento ali no momento. Por isso, treine para ter um grand jeté perfeito!

 

Bom, este foi o artigo sobre espacate, as verdades e mentiras para deixar algumas coisas mais esclarecidas sobre este assunto. Agora é só treinar para alcançar esse tão cobiçado passo!

 

Baixe agora mesmo o Ebook gratuito "Zere a Abetura com apenas 5 minutos por dia" clicando na imagem.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Destacados

Quando usar braços na aula de Ballet Adulto?

15.03.2019

1/7
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procure por Tags