• Mari - Ballet OnLine

Etiquetas em sala de aula!



Neste artigo falaremos um pouquinho sobre etiquetas e bons comportamentos em uma aula de Ballet, pois existem situações que nos deixam desacreditados de que um bailarino(a) está realmente tomando certas atitudes, fazendo certas coisas. Muitas vezes, o professor preza por isso não por ele mesmo, mas porque se um professor de fora vai dar aula, ele quer que seus alunos tenham um comportamento adequado por respeito a quem está ali na frente. Pensando nisso, este artigo apresentará algumas etiquetas importantes dentro de uma sala de aula de Ballet.


A primeira dica diz respeito ao uniforme, tenha cuidado com isso, pois se existe um uniforme imposto ou proposto ali naquela escola, você deve acatar a isso, simplesmente porque existe um motivo para a escola proceder daquela maneira. Mesmo que não haja uma exigência, com certeza o que eles propõem é para que o aluno esteja bem vestido, para que se sinta bem e para que o professor consiga corrigir também, porque às vezes o aluno vem com uma camiseta larga que não dá para ver a lombar, então é necessário ter esse cuidado. Dentro desse assunto, também tem a questão da meia calça, pois é preciso dar uma atenção especial quanto a cor da meia calça versus a cor da sapatilha (ao final deste artigo você poderá baixar um Ebook que fala sobre todas as questões ligadas ao uniforme).


A regra número 2 é sobre ser pontual e quando falamos sobre isso não significa chegar no horário da aula e sim chegar um pouco antes para conseguir se alongar, se aquecer e se concentrar. Isso é necessário, pois muitas vezes chegamos na correria, não conseguimos nos concentrar, a música começa e nós ainda estamos sem rumo, ligada às coisas lá de fora, do nosso dia a dia. Então, seja pontual nesse sentido, chegue alguns minutos antes para realmente se preparar para a sua aula.


Regra número 3: leve a sua garrafinha de água para a aula. Se ficamos saindo para beber água, acabamos dispersando, principalmente adolescente que cruzam o corredor conversando sobre coisas que não tem nada a ver com a aula e voltam desconcentradas para o restante da aula, para o próximo exercício. Sendo assim, leve sua garrafinha, não saia mais de dentro da sala durante o período de aula, pois fazendo isso você verá que o seu rendimento melhorará muito, afinal de contas, para aprender Ballet não dá para ficar de conversinha, deixe isso para o final da aula, no vestiário.


A quarta regra é: jogue o chiclete fora. Não tem coisa pior do que o professor ir fazer uma correção e o aluno estar mascando chiclete. Se o professor der a opção, ou você termina de comer/mascar fora da sala e depois entra ou já joga fora antes (o que é preferível). Esteja atenta a isso, até mesmo por questão de segurança, porque se você faz a aula mascando chiclete, pode engasgar-se e ter um problemão com isso.


A próxima dica vai principalmente para adolescentes e Ballet Adulto, pois diz respeito ao celular. Desligue ou nem leve para a sala de preferência, porque assim nem corre o risco de apitar e atrapalhar a concentração, pode ter certeza que fazendo isso o seu desemprenho melhorará também. Existem casos em que o professor autoriza o aluno levar o celular para a sala para deixar em um cantinho filmando a aula que ele está fazendo, para que depois ele consiga treinar em casa e ver onde estão errando, mas isso não anula o fato de que você não pode se esquecer de tirar o som para não atrapalhar toda a aula.



A sexta dica é sobre se aquecer antes da aula, pois a partir do momento que você se aquece, o seu corpo fica pronto e o professor consegue te dar uma aula melhor. Ele, por conhecer o seu corpo, sabe quando o seu corpo está pronto e assim ele pode dar exercícios mais pesados e quando não está e ele precisa ir mais devagar para você não se lesionar. Ou seja, se você se aquecer antes da aula, será melhor para você mesmo, pois a aula irá render.


Dica 7: concentre-se! É muito comum as pessoas chegarem na aula de Ballet e quererem ficar conversando. A sala de aula não precisa ficar um silêncio total, mas um pouquinho de concentração é sempre bom. Então, concentração é importante para você e também em respeito a concentração da outra pessoa.


A oitava dica é: evite faltar. Toda vez que você falta, você perde, pois você faltou, mas teve aula normal e a turma estava lá aprendendo coisas que você não aprendeu, o professor pode ter feito alguma correção importante em outra aluna e isso não tem como voltar. Pense que a turma vai subindo de degrau em degrau a cada aula e se você falta em uma, ficará um degrau atrás das demais. Portanto, evite isso.


A dica 9 é sobre ser receptiva, receber bem as pessoas que estão chegando na turma. Turmas principalmente de adolescentes, tem bailarinas que têm uma tendência a querer dominar a sala de aula, a turma, a querer que todos sejam apenas amigos delas e de mais ninguém, a querer que o professor olhe só para a ela, a querer dominar a escola, enfim, e isso não pode acontecer. Seja receptiva, lembre de como você foi recebido quando chegou, se foi bom, siga o exemplo, se foi ruim, faça diferente. É muito ruim estarmos em um ambiente, fazendo uma atividade nova com pessoas que já estavam ali antes e elas não falarem com você, te olharem torto, etc. Então, converse, acalme a pessoa, diga que é um processo gradual e aos poucos o corpo dela vai assimilar, vá trazendo-a para o mundo da dança, mostre como é maravilhoso. Enfim, seja receptiva!


Por fim, a dica 10: agradeça ao professor. Infelizmente, temos uma cultura de desvalorização de professores e não paramos para refletir que tudo o que sabemos hoje é por causa deles e nada mais justo do que agradecer. Isso não significa que você deve levar flores, dar chocolate, presentes, enfim, é simplesmente o ato de agradecer com aplausos no fim da aula, ou chegar nele e falar “obrigado”, isso não é puxar saco, só mostra que você reconhece todo o esforço dele para dar o melhor em aula, preparando exercício, corrigindo, enfim. Nós, bailarinas, não seríamos nada sem os professores, pois muitos deles até deixam de dançar para realmente se dedicar em dar aulas. Então agradeça-o mesmo, aplauda-o!


Essas foram as 10 dicas sobre etiquetas em sala de aula para mudar a nossa postura e ganharmos um outro tipo de respeito, acabamos até ensinando as pessoas que nos observam. Leve tudo isso em conta que você perceberá a diferença!


Baixe agora mesmo o Ebook gratuito "Roupas para aula aula de Ballet Adulto" clicando na imagem.

32 visualizações

Ballet OnLine ® - 2017 - Todos os direitos reservados

Receba aulas gratuitas se cadastrando no botão "Lista Vip Gratuita"

  • Canal YouTube
  • Spotify
  • Instagram
  • FanPage